Lançamento do Livro “A Vida de Ada Lovelace”

Um pouco mais de 200 anos após o seu nascimento, a história de Ada Lovelace – a primeira pessoa a escrever um programa para uma máquina –  continua desconhecida, mesmo por estudantes e profissionais da área de Computação.

Algumas pessoas já ouviram seu nome, outras conhecem seu feito mais popular. Entretanto, detalhes da sua trajetória permanecem um mistério para muitos. Poucos sabem que Ada foi filha de um poeta famoso com uma grande matemática, que ela tinha interesse em invenções e tampouco que fora casada e mãe de nada menos que 3 crianças.

Refletindo sobre a bela jornada de Ada, a professora Sílvia Amélia Bim e a designer Kiara Cabral decidiram traduzir seu percurso de desafios e inspirações em um livro infantil, para que crianças e seus familiares possam desfrutar de uma história repleta (nas palavras das autoras) de “criatividade, amizade, razão e emoção“. O vídeo abaixo conta um pouco de como este projeto surgiu:

22528462_2163757253852104_7420843578914909933_nPara Sílvia, escrever um livro sobre a história de Ada Lovelace é uma oportunidade de ampliar sua missão como docente de Computação, “Não tive uma role model que me inspirasse a escolher trabalhar na área de Computação, escolhi esta área por outros motivos. E no meu caminho fui encontrando várias role models que foram me incentivando e me mostrando os encantos da Computação. Ter a oportunidade de contar a história da Ada Lovelace para o público infantil (e também para outros públicos que ainda não conhecem a sua história) é maravilhoso! Tenho a chance de mostrar que Computação sempre foi feita por pessoas – mulheres e homens. Pessoas que têm pai, mãe, marido/esposa, filhos/as, amigos/as, gato. A parceria de Ada Lovelace e Charles Babbage nos mostra que mulheres e homens trabalhando juntos podem criar propostas mais eficientes, mais criativas e mais inovadoras com as diferentes contribuições que cada um pode fazer. E assim, contando a história de Ada Lovelace para as crianças espero que as pessoas comecem a falar sobre Computação no almoço de família”.

LIVRO (35)Kiara, por sua vez, acredita na potencialidade da narrativa de vida de Ada, “a própria narrativa é fruto de força, resistência e imaginação grandiosa, ela viveu em uma época muito difícil para as mulheres se exercerem em sua totalidade. Acaba que essa força reverbera agora, aqui em 2018, como uma inspiração para quem quer que esteja disposto ouvir. A escolha de ser contada no formato de livro infantil vem de uma percepção que interpreta a educação/leitura como parte fundamental para o desenvolvimento de novas construções sociais. E ainda, que se desdobra de maneira natural à compreensão tanto para as meninas quanto para os meninos, sobre igualdade de gênero e não para por aí, vai além das crianças atingindo seus familiares e professores que também serão impactados seja na leitura quanto auxiliando na interação que o livro propõe”. Kiara conta ainda que durante o processo criativo das ilustrações e projeto gráfico do livro, ela passou por momentos delicados de saúde e que descobriu em Ada “uma amiga que segue me inspirando com sua força e determinação trazendo junto a parte criativa, fazendo dela aliada que me coloca em novos pontos de vista”.

Assim, o livro intitulado “A Vida de Ada Lovelace” ganhou vida! A partir de um texto interativo de muita sensibilidade e ilustrações delicadas e marcantes, repletas de segredos escondidos (easter eggs), as autoras resgatam na história de Ada Lovelace temáticas sobre identidade, família, infância, hobbies, relacionamentos, desafios, festas, amizades e colaboração, enquanto convidam meninas e meninos a refletirem sobre essas questões nas suas próprias vidas.

A primeira tiragem do livro foi executada com o apoio da Sociedade Brasileira de Computação (SBC) e o seu lançamento preliminar foi realizado no Congresso da Sociedade Brasileira de Computação (CSBC 2018) em Natal no dia 24 de julho. A divulgação do livro, além de contar com o apoio da SBC, faz parte das ações do Programa Meninas Digitais para incentivar a maior representatividade de mulheres na Computação.

O lançamento foi um sucesso! A comunidade de Computação recebeu com muito entusiasmo a obra e já clama por novas edições com histórias de outras personalidades.

LIVRO (40)

As autoras agora prospectam novas oportunidades para levar a história de Ada Lovelace para um número ainda maior de crianças e adultos, no Brasil e no exterior.

LIVRO (39)

Quem deseja adquirir o livro “A Vida de Ada Lovelace” deve entrar em contato com as autoras Sílvia Amélia Bim (sabim@utfpr.edu.br) e a designer Kiara Cabral (chiaraohchiara@gmail.com, www.facebook.com/chiaraohchiara/).

 

Karen da Silva Figueiredo Medeiros Ribeiro
Sobre Karen da Silva Figueiredo Medeiros Ribeiro 7 Articles
Professora no Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), pesquisadora no Laboratório de Ambientes Virtuais Interativos (LAVI) e no Laboratório de Estudos sobre Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação (LETECE), coordenadora do Programa Meninas Digitais da SBC e dos projetos Meninas Digitais Mato Grosso e Delete Seu Preconceito.